Paixão de Cristo de Ubatuba: fé, história e arte

Post 127 de 587

A encenação contará com inúmeras surpresas que prometem emocionar o público

A Sexta-Feira Santa, também conhecida como “Sexta da Paixão”, antecede o domingo de Páscoa e este ano acontecerá no dia 30 de março.  Paixão provém do latim passio, que indica sofrimento. É o termo utilizado para descrever os eventos e os sofrimentos — físicos, espirituais e mentais — de Jesus nas horas que antecederam seu julgamento e sua execução.

Em Ubatuba, a encenação da Paixão de Cristo é uma tradição e segue há anos emocionando turistas e moradores. Nesse dia todos são convidados a recordar o sacrifício de Jesus, ao ser julgado, torturado e crucificado por amor à humanidade.

Para este ano, Thiago Ramos – responsável pela direção do espetáculo – promete entregar ao público algo totalmente novo, desde texto, figurinos e sonoplastia. O espetáculo acontecerá de forma itinerante e dará ênfase ao verdadeiro sentido da Paixão de Cristo, contando os últimos momentos de Jesus.

A encenação terá início às 21h no Sobradão do Porto e contará com 40 atores, 20 figurantes e mais 15 pessoas, entre direção, produção e equipe de apoio, todos muito empenhados em entregar ao público um espetáculo emocionante, desta que é uma das mais belas histórias da humanidade.

Menu