Carnaval 2014: Cine FundArt exibe documentários em mostra Especial de Carnaval

Post 778 de 789

Filmes-Carnaval1A Fundação de Arte e Cultura orgulhosamente apresenta o Cine FundArt através de um Especial de Carnaval onde serão exibidos 7 documentários selecionados para seguirmos em clima de festa e alegria. O público poderá relembrar trajetórias de sucesso como a de Aurora Miranda – A Irmã Notável de Carmen” e intérprete da Marcha de Carnaval CIDADE MARAVILHOSA, hoje hino da cidade do Rio de Janeiro, apreciar a homenagem ao músico, autor do clássico “Aquarela do Brasil”, Ary Barroso, campeão de tantos carnavais e com clássicos inesquecíveis da MPB, admirar a genialidade de Noel Rosa – O poeta do Brasil e ainda do criador dos maiores sucessos do Carnaval Brasileiro, Braguinha.

Em Adoniran Barbosa – O Poeta de São Paulo será apresentada a vida pessoal e profissional do cantor e compositor de sucessos como “Trem das Onze”, “Saudosa Maloca” e “Samba do Arnesto” assim como a história e a importância, para a música popular brasileira, do cantor Orlando Silva, imortalizado como “O Cantor das Multidões”.

Dia Internacional das Mulheres

Para o Dia Internacional das Mulheres reservamos uma surpresa ainda mais especial, ROSINA PAGÃ, A HISTÓRIA DE UMA CANTORA DO RÁDIO, que retrata a memorável dupla de cantoras “Irmãs Pagã que fizeram história nas décadas de 30 e 40 nas artes brasileiras. Cantoras e atrizes eram presenças garantidas em filmes e apresentações da época.
Com cenas de arquivo, reconstituições e depoimentos da própria Rosina Pagã, feitas tanto no Brasil quanto nos Estados Unidos, onde a cantora recentemente faleceu aos 94 anos de idade, o documentário mostra os desentendimentos com a irmã Elvira, os amores de Rosina nem sempre fáceis, as músicas e filmes que a consagraram (Alô,Alô Carnaval ; La Liga de Las Muchachas, Calabacitas Tiernas, Aves sem Ninho, Caminhos do Céu, entre outros), como o desenho “A Dama e o Vagabundo” de Walt Disney, onde dublou a personagem principal, Lady (a Dama do título) em 1955.

Documentarista Dimas Oliveira Junior

Todas as obras são assinadas por Dimas Oliveira Junior, Diretor de Cinema, TV, Documentarista e jornalista que recentemente realizou em documentários: “Histórias de Vidas na Montanha Magnífica” (sobre a cidade de Campos do Jordão), “Histórias de Vidas em Ubatuba”, “Cidade da Cura” (sobre a Tuberculose), “Do Inferno ao Paraíso” (A história da maior rebelião de presos do mundo, ocorrida no Presídio da Ilha Anchieta (SP) em 1952), “Celly&Tony Campello, os brotos legais”.

Em fase de finalização para 2014 encontram-se: “Almeida Junior, o menino de Itu” e “Princesas do Brasil! Era uma vez…”.

Coordenador dos cursos de interpretação para TV & Cinema e sócio fundador da “Ophicina de Art’s: Rosina Pagã”, também se dedica a oficinas de cinema os quais ministra em diversas casas culturais através da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo e em demais cidades por todo o país. Recebeu o Prêmio Mauá de Excelência em Cinema Documental, Medalha de Mérito Cívico de Desempenho em Artes Cinematográficas e o título de Comendador da Ordem do Mérito Cívico e Cultural.

Menu